59

Como a Política Pode Influenciar o Seu Investimento?

Fazer investimentos é, como muitas coisas na vida, um risco. Alguns investimentos apresentam altos níveis de riscos e outros nem tanto. Entretanto, todos eles sofrem uma grande influência externa: o cenário político.

Nos últimos anos, o brasileiro viu a economia do país entrar em uma grande recessão da qual ainda não se recuperou. Somado a isso, diversos escândalos políticos tomaram conta do noticiário nacional, o que agravou ainda mais a situação.

Vamos te explicar melhor como acontece essa influência e quais são as melhores medidas a se tomar nesses momentos de incertezas políticas e econômicas.

Primeiro passo: Mantenha-se informado

É fundamental saber o que está acontecendo no país antes de aplicar. Se o momento é de incerteza, você deve ser mais conservador em suas escolhas. Caso seja um cenário de crescimento e estabilidade, é possível arriscar mais.

Por isso, esteja sempre informado sobre os movimentos financeiros e, claro, políticos. Busque por opiniões de especialistas sobre o assunto e, assim, faça escolhas conscientes.

Tenha cautela, até porque, todo cuidado é pouco!

Em momentos instáveis, todo cuidado é pouco. Por isso, pense com calma antes de tomar qualquer tipo de ação. O principal erro para quem investe em momentos assim é achar que é o momento de parar de investir, com medo do mercado.

Mas é pior ter renda parada do que dinheiro rendendo um pouco menos em algum investimento de curto prazo. Além disso, muitas oportunidades aparecem em momentos assim, por isso, é preciso ficar atento aos movimentos do mercado para saber qual a melhor hora de agir e no que investir.

Outro erro que muitos investidores cometem em momentos assim é vender papéis quando estão em baixa por ter medo da desvalorização, criando o ‘movimento manada’.

E você só realmente perderá dinheiro investindo se fizer isso. Caso contrário, seus papéis podem até estar desvalorizados, mas o prejuízo só vai chegar mesmo caso você concretize a saída das suas posições por um preço menor do que o inicial.

Tenha total atenção às possíveis oportunidades

No mercado de ações, o nervosismo trazido pela crise política acaba por gerar volatilidade e em consequência, surgem algumas oportunidades.

Se, por exemplo, você está em busca de construir posições, esse é um bom momento. Muitos papéis entram em uma espécie de liquidação quando a política e economia está instável.

Esse momento pode ser bom para você também caso você esteja procurando diversificar sua carteira de aplicações, já que essas oportunidades surgem com frequência nas crises.

E, para quem investe em Tesouro Direto? Existe alguma diferença?

A renda fixa é um investimento previsível, por isso, nenhuma incerteza política abala o Tesouro Direto. Se você possui investimento desse tipo, pode ficar tranquilo de que irá receber de acordo com o previsto no início da aplicação.

Os títulos públicos são investimentos seguros. O único caso no qual eles são prejuízo é em caso do governo dar calote, o que não é algo esperado de acontecer no médio prazo em nosso país.

Para quem tem títulos do Tesouro Selic e visam o curto prazo esses momentos instáveis também não mudam a boa rentabilidade do investimento. Para quem tem Tesouro IPCA ou prefixado, a dica é sempre segurar o papel até o vencimento, para não ter nenhum impacto negativo.

O que pode causar preocupação é a cotação dos preços negociados pelo seu título, mas isso não significa nada caso você não venda o papel.

A volatilidade nos preços negociados pode até levar o preço do seu ativo para baixo, então o recomendado é segurar até o vencimento da sua aplicação para ter a rentabilidade combinada no momento da compra.

Conclusão: Não é que a política influencia o seu investimento mesmo?

Como vimos, o cenário político influencia sim, e muito, nos investimentos feitos no mercado. No entanto, isso não é necessariamente algo ruim ou que você deva se preocupar.

Por: Super Investidores

Recomendações:

Super Investidores 09 de abril de 2019 Assessor de InvestimentosInvestimentosMercado

Acreditamos que a Educação Financeira é fundamental para potencializar os Investimentos dos brasileiros. Nosso Blog tem o objetivo de ampliar seu conhecimento financeiro por meio dos nossos artigos, que são abordados com uma linguagem simples e sem “financês”.

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Não existem comentários
Informe seu e-mail para receber as novidades